+info porto cidade

PORTO CIDADE



Silêncio... algo mais presente neste lugar do que matéria ou energia - ou, numa acepção mais mundana da coisa - do que conflitos, lobbies ou divisões sociais de qualquer ordem. Aqui em cima não há freguesias, municípios, regiões, Países, ou quaisquer linhas a dividir uniões humanas às quais chamamos de polis ou Cidade - apenas a realidade, transcrita em luz. Neste contexto - o Porto e a área humana que o envolve ocupam uma porção bem visível da Terra - é uma pequena mancha face ao todo, mas a possível comparação de uma cidade a um planeta, só por si, mostra que essa mesma cidade não é apenas do Mundo, mas do Cosmos.

Quando nos perdemos em estatísticas oficiais, mapas políticos, concelhos e áreas definidas administrativamente, quase nos abstraímos de que, apenas a uma hora e quinze minutos do epicentro da grande mancha luminosa situada no Noroeste Ibérico, existe uma população superior a cinco milhões e meio, e que a mancha em si, só por si, alberga mais do que três milhões e duzentos mil. Semelhante cidade-região é, com efeito - independentemente do nome que se lhe queira atribuir - um dos grandes centros humanos da Europa, e consequentemente do Mundo. Uma metrópole formidável - apogeu irrevogável da Humanidade no Universo.

Avé, magnum metro polis. Serás, sempre e para sempre, livre na tua Grandeza.

(Para que a experiência se aproxime ao máximo da vivida na realidade, não te esqueças de colocar o brilho do ecrã no máximo :) A tua visita é muito apreciada!)

SOURCE FILES

© invictadesign.com